• Home
  • Política
  • Censo 2022: O que o IBGE pergunta? Quanto tempo dura a visita? Veja perguntas e respostas
| 20

Censo 2022: O que o IBGE pergunta? Quanto tempo dura a visita? Veja perguntas e respostas

Os recenseadores do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) deram início à coleta domiciliar do Censo Demográfico 2022.

Programado para acontecer em 2020, o Censo está sendo realizado com dois anos de atraso em razão da pandemia de Covid-19 e de cortes orçamentários.

Até o início de novembro, os recenseadores estarão visitando cada um dos domicílios nos 5.570 municípios do país, incluindo aldeias indígenas e territórios quilombolas.
1. O que é o Censo?
O Censo é uma pesquisa realizada a cada 10 anos pelo IBGE e a última foi feita em 2010. O levantamento realiza uma ampla coleta de dados sobre a população brasileira e permite traçar um perfil socioeconômico do país.
Além saber exatamente qual o tamanho da população, o Censo visa obter dados sobre as características dos moradores – idade, sexo, cor ou raça, religião, escolaridade, renda, saneamento básico dos domicílios, entre outras informações.

A população brasileira é estimada atualmente em cerca de 215 milhões de pessoas. O IBGE calcula que existam hoje cerca de 75 milhões de domicílios no país.

2. Por que o Censo atrasou?
As entrevistas para a construção do Censo deveriam ter sido realizadas em 2020, mas foram suspensas por causa da pandemia de coronavírus.

Em 2021, sofreu novo adiamento por falta de recursos. O Orçamento 2021 foi sancionado, com vetos, pelo presidente Jair Bolsonaro, o que sacramentou a suspensão da realização da pesquisa no ano passado. Após determinação do Supremo Tribunal Federal (STF), o governo federal liberou os R$ 2,3 bilhões necessários para a realização da operação censitária.

3. Qual a importância do Censo?
O Censo Demográfico tem por objetivo contar os habitantes do território nacional, identificar suas características e revelar como vivem os brasileiros.

As informações do Censo são essenciais para o desenvolvimento e implementação de políticas públicas e para a realização de investimentos públicos e privados.








  • Fontes: G1 VALE DO PARAIBA e REGIÃO

Últimas Notícias


Notícias relacionadas