| 30

A PORTA ESTREITA

REFLEXÃO DO DIA
06.01.21

Segundo os estudiosos da "língua pátria", a palavra "porta" designa "uma abertura na parede, ao rés-do-chão ou na base de um pavimento, oferecendo entrada ou saída".

Entretanto, simbolicamente, o mundo está repleto de portas enganadoras. Dão entrada sem oferecerem saída. Algumas delas são avidamente disputadas pelos homens que, afoitos na conquista de posses efêmeras, não se acautelam contra os perigos que representam.

Muitos batem à porta da riqueza amoedada e, depois de acolhidos, acordam encarcerados nos tormentos da usura. Inúmeros forçam a porta que dá passagem para a ilusão do poder humano e despertam detidos pelas garras do sofrimento.

Mutíssimos atravessam o portal dos prazeres terrestres e reconhecem-se, de um momento para outro, nas malhas da aflição e da quase morte.

Muitos varam os umbrais da evidência pública, sequiosos de popularidade e influência, acabando emparedados na masmorra do desespero.

Porém, todos sabemos que o Divino Mestre é a verdadeira Porta da Vida Abundante e da felicidade. Com Ele na mente, aceitamos a existência como aprendizado e serviço, em favor do nosso crescimento para a Imortalidade.

Nesta quarta-feira, nos perguntemos a que porta recorremos na luta cotidiana, porque somente pelos ensinamentos do Divino Mestre encontraremos o caminho da verdadeira libertação. Ele é a Porta do bem, onde o mal não faz morada!








  • Fontes: HÉCTOR GUERRERO e CLÁUDIO RODRIGUES